Qlaira, quais os efeitos deste anticoncepcional?

Qlaira, quais os efeitos deste anticoncepcional? Este contraceptivo tem algum perigo para saúde? Qualquer pessoa pode utilizar? Tem algum perigo em tomar junto com outro medicamento? Neste post falaremos sobre os efeitos colaterais deste anticoncepcional fabricado pela Bayer, mesma fabricante do Yasmin, Mesigyna, Diane 35 e outros.

Qlaira quais os efeitos colaterais?

O Qlaira é uma pílula combinada composta por Valerato de Estradiol + Dienogeste (EV/DNG). O valerato de estradiol é um estrogênio enquanto o dienogeste é progesterona. As pílulas contêm quantidades diferentes de cada composto:

  • comprimidos revestidos amarelo escuro – 3 mg de valerato de estradiol;
  • comprimidos revestidos vermelho médio – 2 mg de valerato de estradiol e 2 mg de dienogeste;
  • comprimidos revestidos amarelo claro – 2 mg de valerato de estradiol e 3 mg de dienogeste;
  • comprimidos revestidos vermelho escuro – 1 mg de valerato de estradiol.

Esses são os efeitos colaterais mais comuns do Qlaira:

  • depressão (problemas de sono, fraqueza, sensação de cansaço, alterações de humor)
  • diminuição ou perda da libido
  • enxaqueca
  • náuseas
  • dor nas mamas
  • sangramento entre os períodos menstruais
  • sangramento uterino
  • aumento do peso
  • eventos tromboembólicos arterial e venoso [efeitos raros] (bloqueio ou coágulo em veia periférica profunda, coágulos que se deslocam pelo sistema sanguíneo até o pulmão cusando embolia pulmonar ou infarto pulmonar, ataque cardíaco causado pelo coágulo, derrame causado pela interrupção do fornecimento de sangue no cérebro)
Qlaira, quais os efeitos deste anticoncepcional?
Qlaira, quais os efeitos deste anticoncepcional?

Atenção! Também existem algumas reações raras relacionadas aos contraceptivos orais combinados como, tumores hepáticos benignos e malignos, tumores no seio, eritema nodoso, secreção mamária, aumento de gordura no sangue, aumento da pressão arterial, indução ou piora dos sintomas da angioedema, distúrbios da função hepática, alteração na tolerância à glicose, Doença de Crohn.

Se ocorrer qualquer um dos efeitos colaterais reportados aqui ou algum outro que não esteja descrito, fale imediatamente com seu médico.

Existe risco de trombose nos efeitos do Qlaira?

O uso de qualquer contraceptivo oral combinado está associado ao aumento do risco de eventos tromboembólicos e trombóticos venosos e arteriais, por isso é muito importante ter cuidado e só tomar com acompanhamento médico. No entanto, pílulas anticoncepcionais contendo dienogeste e valerato de estradiol estão associadas a um risco menor de tromboembolismo venoso do que as pílulas anticoncepcionais contendo etinilestradiol e progestina.

De qualquer forma, é importante o acompanhamento médico sempre que estiver utilizando este medicamento.

Quando não usar este medicamento?

Este contraceptivo não é recomendado se você tem qualquer uma dessas condições:

  • história de formação de coágulos nos vasos das pernas, pulmões ou outras partes do corpo;
  • histórica de ataque cardíaco ou derrame cerebral;
  • história de doença que indique possibilidade futura de ataque cardíaco ou derrame;
  • história de enxaqueca com sintomas neurológicos focais, dificuldade para falar, fraqueza, adormecimento em qualquer parte do corpo;
  • diabetes mellitus com lesão dos vasos sanguíneos;
  • histórico de doença no fígado;
  • histórico de câncer;
  • histórico de tumor no fígado;
  • presença de sangramento vaginal sem explicação;
  • se for alérgica a algum composto do medicamento;
  • suspeita de gravidez (o medicamento pode causar problemas no feto).

Além disso, mulheres fumantes, diabéticas, com excesso de peso, pressão alta, alteração na válvula cardíaca, se tem inflamação das veias, veias varicosas, se sofre de enxaqueca, se tem epilepsia, se tem altos níveis de colesterol ou triglicérides, se tem familiar com câncer de mama, se tem lupus ou anemia falciforme, não deve fazer uso de medicamento. Somente após avaliação do médico.

Remédios que podem interagir com Qlaira

Alguns medicamentos podem reduzir a eficácia da Qlaira na prevenção da gravidez e podem causar sangramento inesperado. São eles:

  • medicamentos para epilepsia (primidona, fenitoína, barbitúricos, carbamazepina, oxcarbazepina, topiramato, felbamato, outros);
  • medicamentos para tuberculose;
  • remédios para AIDS e Hepatite C;
  • medicamentos para infecções fúngicas (griseofulvina, antifúngicos azólicos, como p. ex., itraconazol, voriconazol, fluconazol, outros);
  • remédios para infecções bacterianas;
  • medicamentos bloqueadores do canal de cálcio (verapamil, diltiazem, outros);
  • remédios que contenham Erva de São João.

O suco de toranja também pode reduzir a eficácia do Qlaira.

A própria Qlaria pode influencia no efeito de outros remédios, um deles é o antiepiléptico lamotrigina.

Além disso, caso tenha que realizar algum exame laboratorial, informe sobre o medicamento ao médico e ao atendente, pois a Qlaira altera os resultados de alguns testes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.