Diclin, quais os efeitos deste anticoncepcional?

Diclin, quais os efeitos deste anticoncepcional? Tem algum perigo para saúde tomar Diclin junto com outro medicamento? Neste post falaremos um pouco sobre os efeitos colaterais deste remédio, se ele interage com outro medicamento, se tem perigo de trombose e se tem alguma restrição quanto ao uso.

Atenção! Apesar do seu efeito contraceptivo, o Diclin não deve ser usado apenas para a contracepção, mas sim quando existe algum distúrbio hormonal associado. Sendo indicado para tratamento de doenças relacionadas aos hormônios andrógenos na mulher, alguns tipos de acne, casos leves de hirsutismo (excesso de pelos) e no caso de síndrome de ovários policísticos.

Diclin, quais os efeitos?

O Diclin é composto por 2,0 mg de acetato de ciproterona e 0,035 mg etinilestradiol.

Estes são os efeitos colaterais mais comuns são do Diclin:

  • náuseas
  • dor abdominal
  • aumento de peso corporal
  • dor de cabeça
  • depressão ou alterações de humor
  • dor nas mamas (incluindo hipersensibilidade)
  • vômitos
  • diarreia
  • retenção de líquido
  • enxaqueca
  • diminuição do desejo sexual
  • aumento do tamanho das mamas
  • erupção cutânea
  • urticária

Se ocorrer reação alérgica como urticária, dificuldade para respirar, inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta, fale imediatamente com seu médico. Inclusive se estiver sentindo algo que não sentia antes de iniciar o medicamento, às vezes você pode desenvolver algum problema ainda não relatado na bula.

Tem risco de trombose nos efeitos do Diclin?

O uso de qualquer contraceptivo oral combinado está associado ao aumento do risco de eventos tromboembólicos e trombóticos venosos e arteriais, por isso é muito importante ter cuidado e só tomar com acompanhamento médico.

O risco de trombose do Diclin é o mesmo de outros contraceptivos que contêm etinilestradiol em sua composição como o Elani Ciclo, cuja composição é etinilestradiol e drospirenona. Mas é 50 a 80% maior do que contraceptivos que contêm levonorgestrel com etinilestradiol.

Quando não se deve usar este medicamento?

O Diclin não deve ser usado por mulheres que tenham:

  • Histórico de coágulo em uma veia da perna (trombose), do pulmão (embolia pulmonar) ou outras partes do corpo;
  • Histórico de ataque cardíaco ou derrame cerebral;
  • Alto risco de formação de coágulos arteriais ou venosos;
  • Histórico de câncer que pode se desenvolver por influência de hormônios sexuais;
  • Histórico de doença do fígado;
  • Histórico de tumor no fígado;
  • Que esteja usando medicamento antiviral (ombitasvir, paritaprevir, ou dasabuvir ou combinações destes), usados para tratar hepatite C crônica;
  • Que esteja usando contraceptivo hormonal;
  • Enxaqueca severa (com sintomas neurológicos focais);
  • Diabetes mellitus;
  • Sangramento vaginal sem explicação;
  • Grávida ou suspeita de gravidez;
  • Na amamentação.
Diclin, quais os efeitos deste anticoncepcional?
Diclin, quais os efeitos deste anticoncepcional?

Além disso homens não devem utilizar este medicamento.

Remédios que podem interagir com Diclin

Alguns medicamentos pode reduzir a eficácia do Diclin ou causar sangramento inesperado. São eles:

  • Remédios para epilepsia como primidona, carbamazepina, oxcarbazepina, topiramato, felbamato e outros;
  • Medicamentos para tratar AIDS e Hepatite C;
  • Remédios para tratamento de infecções bacterianas;
  • Medicamentos para tratar tuberculose;
  • Remédios para tratamento de infecções fúngicas;
  • Medicamentos para doenças do coração, pressão arterial alta;
  • Medicamentos para tratar artrite, artrose;
  • Remédios contendo Erva de São João.

Tenha atenção pois o Diclin também pode interferir na eficácia de outros medicamentos contendo lamotrigina, ciclosporina, melatonina, midazolam, teofilina e tizianidina.

Sempre verifique a bula de qualquer remédio se estiver fazendo uso do Diclin. Ele também pode interferir em exames laboratoriais, portanto alerte seu médico e ao laboratório, caso seja necessário realizar algum exame de sangue e urina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.