Como controlar ganho de peso causado pela prednisona

Como controlar ganho de peso causado pela prednisona? O ganho de peso é um dos efeitos colaterias mais comuns da prednisona, um corticóide utilizado para tratar várias doenças. Ela também pode causar redistribuição de gordura para o rosto, costas do pescoço e abdómen. Quanto maior a dose e mais longo o tempo de uso, maiores serão as modificações na pessoa.

Isso ocorre porque a prednisona causa retenção de líquidos e aumento de apetite. Além disso, normalmente pessoas com problemas pulmonares não conseguem fazer muita atividade física. Mas o que pode ser feito para tentar amenizar os efeitos da prednisona?

Dicas para controlar ganho de peso causado pela prednisona

A retenção de líquidos pode ser controlada reduzindo o consumo de sódio e aumentando o de potássio. No caso do sódio, é importante não comer acima de 2.000 mg (2 g) por dia. Para ter uma idéia, 5 g de sal ou uma colher de chá de sal, tem 2 g de sódio.

Alguns alimentos ricos em sódio que você deve evitar são:

  • Sal de cozinha
  • Sardinhas
  • Anchovas
  • Ketchup
  • Batatas frias
  • Nozes e amendoim salgados
  • Pratos prontos congelados
  • Produtos embutidos como salame, presunto, salsichas, bacon
  • Alguns tipos de pães
  • Cereais matinais
  • Glutamato monossódico
  • Mostarda
  • Molho Shoyu

Aumente a ingestão de alimentos ricos em potássio como:

  • Damascos
  • Bananas
  • Batatas cozidas
  • Melão
  • Tâmaras
  • Toranja
  • Ameixas secas
  • Leite
  • Suco de laranja ou toranja
  • Laranhas
  • Uva-passa
  • Espinafres cozidas
  • Iogurte
Dicas para controlar ganho de peso causado pela prednisona
Dicas para controlar ganho de peso causado pela prednisona

Em relação ao aumento do apetite, para evitar consumir calorias em excesso, a pessoa pode:

  • Comer porções menores e mais vezes.
  • Ingerir mais proteínas e menos carboidratos (existem evidências de que o consumo reduzido de carboidratos é mais eficaz para perder peso do que uma dieta pobre em calorias, pobre em gordura e com porções controladas).
  • Consuma carboidratos na forma de frutas e legumes frescos, pois a prednisona causa aumento do nível de glicose no sangue, que pode causar aumento de gordura corporal e diabetes. Evite consumo de carboidratos simples (açúcar refinado, pão francês, mel, geléias, cereais, arroz branco, pipoca e outros).
  • Dê preferência para carnes magras de ave e peixe e evite alimentos fritos.
  • Consuma alimentos ricos em cálcio, pois o remédio altera a capacidade do corpo de utilizar o cálcio, podendo causar osteoporose. Alguns alimentos ricos em cálcio são queijos amarelos, leite, laranjas, sardinhas frescas, camarão etc.

Além do reduzir consumo de sódio e aumentar o de potássio, é importante que a pessoa tenha um plano diário de atividade física. Pode ser caminhada, corrida, dança ou alguma outra atividade aeróbica. Os exercícios aeróbicos queimam calorias e melhoram aptidão cardiovascular.

Para quem sofre de problemas no pulmão fazer exercícios físicos pode ser um problema. Mas é muito importante que a pessoa tente realizar a prática de algum exercício. Comece com poucos minutos e vá aumentando com o passar do tempo. Se necessário procure fazer fisioterapia respiratória, para aumentar a capacidade pulmonar.

Sempre converse com seu médico caso esteja notando algum problema relacionado ao uso da prednisona.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.