Vírus que podem contaminar os alimentos

Existem vírus que podem contaminar os alimentos? Onde são encontrados? Como podemos ser contaminados pelos vírus nos alimentos e quais os sintomas? Tem perigo de morte? Neste post falaremos sobre os vírus que contaminam as comidas e o que fazer para se proteger.

Norovírus é um dos vírus que podem contaminar os alimentos

O norovírus é um vírus altamente contagioso encontrado em alimentos contaminados com fezes humanas infectadas pelo vírus. A pessoa pega a doença ao comer este alimento contaminado.

Os sintomas mais comuns são náusea, fadiga, dor abdominal e muscular, vômito, diarréia. Esses sintomas podem aparecer dentro de 12 horas a dois dias, depois de ingerido o alimento contaminado. E podem durar de 12 horas até três dias.

Não existe remédio nem vacina para o norovírus. A pessoa precisa beber bastante água e suco, pois o que pode causar a morte é justamente a desidratação. Em alguns casos é necessário administrar fluidos intravenosos.

Vírus que podem contaminar os alimentos, norovírus, rotavírus, hepatite
Vírus que podem contaminar os alimentos, norovírus, rotavírus, hepatite

O risco de morte existe para qualquer idade, mas é maior para crianças menores de cinco anos e idosos.

A única maneira de se proteger é fazendo higiene correta das mãos, alimentos e utensílios utilizados. Leve as mãos com sabão por 15 a 20 segundos. O álcool gel 70% funciona mas não é tão eficiente para matar o vírus. Evite comer na rua ou em locais que não sabe as condições de higiene.

Rotavírus

O rotavírus também é um vírus altamente contagioso, encontrado em alimentos contaminados com fezes humanas infectadas pelo vírus. A pessoa pega a doença ao comer este alimento contaminado.

Os sintomas mais comuns são náusea, muita dor abdominal, vômito e diarréia severa, que pode levar à morte se não tratada. Os sintomas aparecem dentro de dois dias e podem durar de três a oito dias.

O risco de morte existe para qualquer pessoa, mas é maior em crianças menores de cinco anos.

Não existe remédio, o tratamento é feito com administração de fluidos para manter a hidratação do paciente. Já existe vacina para crianças que utiliza o vírus vivo atenuado.

A única maneira de se prevenir é fazendo higiene correta das mãos, alimentos e utensílios usados nos alimentos. Evite comer na rua ou em locais que não saiba as condições de higiene.

Hepatite A e Hepatite E

A Hepatite A e Hepatite E são dois vírus diferentes que transmitem de pessoa para pessoa, normalmente através de algum alimento ou água contaminados pelo vírus. A pessoa pega a doença ao comer o alimento contaminado ou beber a água contaminada.

A hepatite A é causada pelo vírus HAV enquanto a hepatite E é causada pelo vírus HEV. Os sintomas desses vírus são parecidos e podem causar fadiga, febre, náusea, dor abdominal, diarréia e icterícia (amarelamento da pele). Também pode ocorrer dor nas articulações, fezes pálidas, perda de apetite, urina escura.

Os sintomas podem aparecer dentro de duas semanas ou até dois meses depois do consumo do alimento ou água contaminados. Na maioria dos casos aparece depois de um mês. Esses sintomas podem durar duas semanas a três meses.

Já existe vacina da hepatite A para crianças entre os 15 meses de idade até cinco anos incompletos, em duas doses. No caso da hepatite E não existe vacina e nem remédio. Portanto a melhor forma de se prevenir é fazendo higiene correta das mãos, alimentos e utensílios usados nos alimentos. Evite comer em locais onde não conheça as condições de higiene.

Enterovírus podem contaminar os alimentos

As infecções por enterovírus são causadas por vários vírus diferente, entre eles o Poliovirus e Echovirus. A pessoa pega a doença ao engolir água ou alimento contaminados com fezes de uma pessoa infectada. Também é transmitido tocando uma superfície contaminada ou se inalar gotículas contaminadas transmitidas pelo ar.

Esse vírus se replica no intestino humano mas causam doenças graves se migrarem para outros órgãos, podendo levar à morte.

Podem ocorrer sintomas ou não, algumas pessoas desenvolvem resfriado comum e outras pneumonia viral. Se o vírus se espalhar para corrente sanguínea pode causar febre, dor de cabeça, dor de garganta, vômitos e diarréia.

Não existe remédio nem vacina, o tratamento é feito para aliviar os sintomas. Normalmente essas infecções se resolvem sozinhas, o perigo é quando a infecção ocorre no coração ou sistema nervoso central. Portanto a única maneira de se proteger é sempre fazendo higiene correta das mãos, alimentos e utensílios usados no preparo dos alimentos. Evite comer em locais onde não conheça as condições de higiene.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.