O sal não é perigoso para quem tem problema cardíaco?

O sal não é perigoso para quem tem problema cardíaco? Muitas pessoas ficam com essa dúvida, pois estudos recentes vêm mostrando que o sal não é esse terror todo como falavam antigamente. De acordo com os estdos apenas pessoas com pressão alta devem ter cuidado com a quantidade de sal. Mas então quem pode comer sal e quem não pode? Neste post falaremos um pouco sobre a sensibilidade ao sal e quem deve ter cuidados com a quantidade consumida.

O sal não é perigoso para quem tem problema cardíaco?

Antes de responder a pergunta é importante que se saiba que o sal aumenta sim a pressão arterial. Mas isso não é verdadeiro para todas as pessoas, ou seja, ele não é ruim para todo mundo. Existem algumas doenças como hipotenção crônica e Doença de Addison que usam o sal como tratamento. Mas também existem pessoas que toleram melhor o sal e não precisam restringir o consumo.

As pessoas resistentes ao sal podem comer os mais variados alimentos salgados que a pressão continua normal ou baixa. Já as que são sensíveis ao sal, basta comer um pouquinho de sal, que a pressão arterial sobe absurdamente.

Não existe maneira simples para determinar quem é sensível ao sal e quem não é. Um estudo recente mostrou que existem 21 variantes genéticas envolvidas na pressão arterial, sendo que 18 delas estão associadas à sensibilidade ao sal.

O sal não é perigoso para quem tem problema cardíaco?
O sal não é perigoso para quem tem problema cardíaco?

Acredita-se que 60% das pessoas que têm pressão alta sejam sensíveis ao sal. E um quarto das pessoas que têm pressão normal também são sensíveis ao sal, pois apesar de terem pressão normal agora, podem desenvolver pressão alta com mais idade ou se houver ganho de peso.

Essas variantes genéticas relacionadas à sensibilidade ao sal envolvem vários mecanismos diferentes, algumas afetam uma enzima que é secretada e armazenada nos rins, outros influenciam a produção de um hormônio que aumenta o volume sanguíneo e outras afetam o transporte de sódio e minerais no corpo. Por isso ainda é difícil descobrir exatamente o problema que a pessoa tem, sendo necessário aos médicos testarem vários medicamentos para pressão até que encontre um que funciona para o paciente.

Então quem tem doença cardiovascular pode consumir sal?

Como é difícil medir a quantidade de sal em uma dieta, o recomendado para a maioria das pessoas é consumir sal com moderação, mesmo que você não tenha problema de pressão alta por comer sal.

Existem estudos que mostraram benefícios cardiovasculares em pessoas que consumiam menos de 2,3 mg de sódio por dia. E para pessoas com pressão alta ou outros fatores de risco para doenças cardiovasculares o recomendado é ainda menos, 1,5 mg de sódio por dia.

Mas atenção! Existem algumas condições em que o sal pode ser perigoso como insuficiência cardíaca congestiva, doenças renal e edema. Por isso é importante conversar com o médico antes de modificar sua dieta.

Converse com seu médico para saber sobre sua sensibilidade ao sal e se seu problema de saúde poderá ser prejudicado com o aumento de consumo de sal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.