Pessoa com problema cardíaco pode comer ovos?

Pessoa com problema cardíaco pode comer ovos? Muitas pessoas se fazem esta pergunta quando estão passando por dieta cardioprotetora. Será que pode comer ovos ao fazer este tipo de dieta ou é perigoso para a saúde? Neste post explicaremos um pouco sobre os ovos e o coração.

Pessoa com problema cardíaco pode comer ovos?

Os ovos são excelentes fontes de proteínas e um ovo por dia não aumenta o risco de ataque cardíaco ou derrame ou outro tipo de doença cardiovascular, para pessoas comuns sem problemas de saúde.

Antigamente acreditava-se que os ovos poderiam aumentar o colesterol LDL do sangue, devido ao colesterol presente na gema, e que isso aumentaria o risco de doenças cardíacas. Mas novas pesquisas foram feitas e descobriram que a maior parte do colesterol do nosso corpo é produzido pelo nosso fígado e não vem do colesterol que comemos. O fígado é estimulado a produzir colesterol por gorduras trans e gorduras saturadas. Um ovo grande pode conter 1,5 gramas de gordurada saturada, o que é muito pouco perto dos outros benefícios que os nutrientes do ovo podem trazer para nossa saúde.

Mas é importante informar que, se você tem o colesterol LDL elevado ou algum outro risco de sofrer ataque cardíaco ou derrame, como pressão alta, diabetes ou histórico familiar de doenças cardíacas, então você deve limitar a quantidade de ovos na semana, não comendo mais do que dois ovos por semana.

Pessoa com problema cardíaco pode comer ovos?
Pessoa com problema cardíaco pode comer ovos?

A não ser que você esteja fazendo uso de estatina e seu LDL (colesterol ruim) esteja baixo. Nestes casos pode ser que você possa comer ovos mais vezes na semana ou até um por dia. A estatina são medicamentos para reduzir o colesterol em pessoas que não conseguem esse controle com dieta e exercícios.

O recomendado é verificar com seu médico a quantidade correta. Ele precisará medir seu colesterol LDL antes de comer ovos, enquanto está na dieta cardioprotetora, e depois que começar a comer mais ovos na semana. Assim será possível determinar se você pode ou não continuar comendo ovos. Mas normalmente a estatina consegue cortar os efeitos negativos dos ovos e até de queijos.

Outro detalhe importante é verificar o que você irá consumir com o ovo. Se for manteiga, queijo, bacon, eles possuem gorduras saturadas, o que acaba aumentando a quantidade de gordura consumida e aumentando o risco para sua saúde. Tenha atenção também com pães, batata-frita e outros carboidratos refinados que são prejudiciais à saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.