Como saber se a carne está segura para comer?

Como saber se a carne está segura para comer? A aparência e cor da carne não são indicativos que ela está segura para ser comida ou que já está no ponto correto. A única maneira de ter certeza que você destruiu as bactérias de uma carne é utilizando um termômetro para alimentos, mas a maioria das pessoas não têm esse termômetro disponível.

Como saber se a carne está segura para comer?

Se na sua casa as pessoas têm muita infecção alimentar após comerem os mais variados tipos de carnes, então pode ser que você não esteja cozinhando elas suficiente. De acordo com os serviços de segurança alimentar, o recomendado é que todas as pessoas tenham termômetro para usar nas carnes, não importa se é analógico ou digital. Além de verificar o cozimento, você também poderá monitorar para a carne não cozinhar demais.

Para usar o termômetro na carne o ideal é inserí-lo na parte mais grossa, sem encostar no osso, gordura ou cartilagem da carne, senão o valor medido será errado.

Como saber se a carne está segura para comer?
Como saber se a carne está segura para comer?

Sempre lave o termômetro antes e após cada uso, utilizando água e sabão.

Os graus de cozimento mal passado, ao ponto, médio, quase bem passado e outros devem ser medidos apenas após você ter certeza que toda a carne chegou na temperatura correta, somente ao atingir a temperatura interna correta você estará garantindo a destruição dos patógenos (bactérias nocivas). Se medir apenas pelo visual do grau de cozimento, o risco de ter uma infecção alimentar é grande.

As temperaturas internas recomendadas são:

  • Aves – 74°C ou maior (coloque o termômetro na parte mais interna da coxa e na parte mais grossa do peito).
  • Carne moída de boi, frango ou peru (incluindo hamburguer) – 74°C.
  • Carne de boi, porco ou cordeiro – 63°C (carne mal passada), 71°C (ao ponto) ou 77°C (bem passado).
  • Cozido de carne e outros pratos com carne (como lasanha) – 74°C.

Atenção! Se a carne de frango (e outras aves) estiver recheada, é importante que o recheio chegue na temperatura de 74°C.

A carne de boi, porco ou cordeiro deve descansar por três minutos antes de ser fatiada. Quem preferir a carne mais bem passada pode cozinhar até temperaturas mais altas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.