Sintomas do câncer de pâncreas

Quais os sintomas do câncer de pâncreas? O câncer de pâncreas é um dos mais difíceis de diagnosticar nos estágios iniciais pois não costuma apresentar sintomas. No momento que os sintomas aparecem, o câncer já está grande demais ou simplesmente já se espalhou para fora do órgão. Existem alguns sintomas de doenças comuns que podem indicar câncer de pâncreas, especificaremos eles aqui.

Sintomas do câncer de pâncreas

Lembre-se que estes são sintomas de doenças comuns, nem sempre estão relacionados ao câncer de pâncreas. Ao apresentar um destes problemas especificados aqui, não quer dizer que você esteja com a doença.

Os sintomas mais comuns:

  • Dor no estômago e nas costas;
  • Perda de peso inexplicável;
  • Indigestão.

Outros sintomas podem incluir:

  • Perda de apetite;
  • Alteração nos hábitos intestinas como fezes pálidas que flutuam ou cocô aquático como diarréia ou prisão de ventre;
  • Icterícia (pele e olhos amarelos, urina escura e coceira na pele);
  • Diabetes diagnosticada recentemente;
  • Problemas para digerir os alimentos (se sentindo cheio rapidamente quando come, inchaço, arrotos);
  • Se sentir doente com náuseas e vômitos;
  • Dificuldade para engolir;
  • Fadiga;
  • Febre e tremor;
  • Coágulo na veia (trombose venosa profunda).

Existem tipo de câncer de pâncreas diferentes?

Sim, os tipos mais comuns são os adenocarcinomas (95% dos casos). É um tipo de câncer de pâncreas exócrino que começa nos ductos pancreáticos. Existem outros tipos raros de câncer exócrinos como, carcinoma de células acinares do pâncreas, cistoadenocarcinomas, pancreatoblastoma, carcinomas adenoescamosos, os carcinomas de células em anel de sinete e os carcinomas hepatoides.

Sintomas do câncer de pâncreas, paciente na consulta com médico
Sintomas do câncer de pâncreas

Além dos exócrinos existem outros tipos raros de câncer de pâncreas neuroendócrino, também chamados de tumores neuroendócrinos do pâncreas (PanNET) que se formam nas células neuroendócrinas. Nestes estão os insulinomas, os gastrinomas, glucagonomas, somatostatinoma e vipomas.

O câncer exócrino e neuroendócrino podem apresentar sintomas parecidos especificados no início do post. Mas os neuroendócrinos podem apresentar outros sintomas diferentes.

Sinais do câncer de pâncreas neuroendócrino

Gastrinomas – produzem o hormônio gastrina em excesso que eleva a produção de ácido pelo estômago, causando úlceras, dor, enjoo e perda de apetite.

Insulinomas – produzem muito hormônio insulina causando sintomas de hipoglicemia, tontura, suor, taquicardia, fraqueza e confusão mental.

Glucagonomas – produzem hormônio glucagon em excesso, que aumenta os níveis de açúcar e pode provocar diabetes, causando depressão, anemia, perda de peso, desnutrição.

Somatostatinoma – produzem somatostatina demais, substância que regula outros hormônios do intestino, causa diarréia, diabetes, pedra na vesícula, esteatorreia e perda de peso.

Vipomas – produzem o hormônio peptídeo intestinal vasoativo demais, causando diarréia aquosa, desidratação, elevação do cálcio no sangue.

Este tipo de câncer tem cura?

Sim, quanto mais cedo for diagnosticado mais chance tem de ser curado. O problema é justamente a demora para o diagnóstico, devido aos sintomas serem os mesmos de outra condições clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.